Notícias da edição 621 • 24 de outubro de 2014 • Veranópolis • Vila Flores • Cotiporã • Fagundes Varela • Rio Grande do Sul


CAPA E DESTAQUES

Até com helicóptero, POE faz ação para reforçar a segurança

Na tarde de terça-feira, dia 21, a Brigada Militar e o Pelotão de Operações Especiais realizaram um trabalho especial na área central de Veranópolis. A ação aconteceu para reforçar a segurança no Município, inclusive com a utilização de helicóptero. A atividade aconteceu também em Nova Prata. Um dos objetivos foi a identificação de foragidos listados em banco de dados do POE e também para mostrar à sociedade a importância do Pelotão de Operações Especiais. Segundo o sargento Vilmar, da segunda Companhia de Área Turistica, entre as duas cidades foram aproximadamente cento e cinquenta veículos abordados e em torno de duzentas pessoas identificadas. Foram oito autuações, a maioria por documentação irregular.

A segunda Companhia de Áreas Turistica, com sede em Nova Prata, tem no comando a capitã Helena Beilfuss Santana e compreende dezessete Municípios. Faz parte do terceiro Batalhão de Áreas Turisticas de Bento Gonçalves, encabeçado pelo major José Paulo Ihanke Marinho, com vinte e cinco cidades sob seu controle. Marinho esteve em Veranópolis e Nova Prata na operação de 21 de outubro. A mesma ação já foi realizada em Serafina Corrêa, Guabijú, Nova Araçá, Nova Bassano e Paraí. As outras cidades compreendidas também serão visitadas. Ao se posicionarem na Praça XV de Novembro, em Veranópolis, inclusive com o helicóptero, os policiais chamaram a atenção da população, pouca acostumada com esses procedimentos, e que não sabia do que se tratava. Muitos se dirigiram ao local para saber detalhes do fato e saíram satisfeitos pela operação do POE em prol da segurança dos munícipes.

Banrisul tem caixa arrombado em Vila Flores

Um caixa eletrônico do Banrisul foi arrombado no final da manhã de domingo, 19, na cidade de Vila Flores. Por volta das 11h30min, um vizinho da agência avistou fumaça saindo do interior do banco e acionou a Brigada Militar. A polícia foi até o local, situado no número 691 da avenida das Flores, no Centro, onde constataram que um dos terminais havia sido violado com maçarico. Segundo testemunhas, pelo menos três pessoas haviam fugido em um Fiesta branco.

Leilão do patrimônio da Dal Ponte atrai compradores e levanta cerca de R$ 3 milhões

Foi realizado na segunda-feira, dia 20, o leilão dos imóveis, maquinários, calçados e equipamentos da massa falida da Dal Ponte em Veranópolis. O ato ocorreu no pavilhão localizado às margens da RSC-470, altura do quilômetro 174, na saída para Vila Flores. Três imóveis foram vendidos para a Cooperativa Santa Clara, Sindicato do Vestuário e família Guarda, da Remo Camisetas. Somente o pavilhão onde ocorria o leilão, que vale em torno de R$ 11 milhões, não recebeu proposta satisfatória, conforme o leiloeiro Leonir Lunelli. Ele encaminhará para o juiz, e possivelmente acontecerá um novo leilão.

Confira os três imóveis vendidos e os valores

O lote urbano na rua Flores da Cunha, esquina com a Estrada Velha da Vacaria, foi arrematado pelo Sindicato dos Trabalhadores da Indústria do Vestuário e Calçado de Caxias do Sul e Região - Sindvest, por R$ 785 mil. Conforme o presidente Jandir Zacaria, será feita uma reforma no prédio, que abrigará a nova sede da entidade sindical. O Imóvel localizado na rua Fabiano Reschke, no Renovação, passou para as mãos da Cooperativa Santa Clara, que pagou R$ 1,960 milhão. Rogério Sauthier, presidente da Santa Clara, explica que o Mercado Agropecuário funcionará no local. Já o terreno situado em São Caetano, Linha Duque de Caxias, Vila Flores, foi vendido para a família Guarda, que trabalha no ramo de camisetas, por R$ 175 mil. Os outros bens móveis, como maquinários, calçados, equipamentos e artigos esportivos, foram vendidos por R$ 140 mil.

Femaçã busca recursos em Porto Alegre

Um grupo de pessoas de Veranópolis esteve na manhã de 16 de outubro em Porto Alegre, em busca de patrocínio para a nona edição da Femaçã, através da Lei Rouanet, também chamada de Lei de Incentivo à Cultura. Participaram da comitiva o presidente Leocride Battaglion, vice Wagner Ciello, prefeito Carlos Alberto Spanhol e secretário de Turismo Romeo Matiello, acompanhados da veranense Sofia Cavedon, que é vereadora na Capital. Um dos locais visitados foi o Banrisul, onde a equipe se reuniu com o presidente Tulio Zamin. Outro ponto de para foi a Caixa Econômica Federal. Para Wagner Ciello, a expectativa é muito boa, e os encontros foram positivos, inclusive com sinalização de recursos dos dois bancos para a Femaçã, que acontecerá em abril de 2015.

Morador tapa buraco na RSC-470

Na última semana, um morador de Veranópolis tapou com terra um buraco existente na RSC-470, nas proximidades da balança. O local é uma das principais saídas e entradas da cidade pela rua Alfredo Chaves, e entrada do bairro renovação pela Getúlio Vargas. "Vimos muitos prejuízos, estouros e motoristas que não conseguiram desviar e precisaram trocar a roda de seu veículo. Tememos por uma tragédia maior, já que é um local de movimento intenso de veículos e pedestres", explicou o cidadão. Já fazem algumas semanas que o Jornal Panorama Regioanal registra o andamento das obras de reparos na ERS-324 e RSC-470, contempladas pelo Contrato de Restauro e Manutenção - Crema. A empresa responsável pelas obras passa pelo trecho diariamente para trabalhar no trecho em Vila Azul.

Veranópolis recebe UTI Móvel Neonatal

Na sexta-feira, dia 17, aconteceu a cerimônia de entrega à população de Veranópolis de uma UTI Móvel Neonatal equipada com incubadora. O ato transcorreu no Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi. A compra do veículo foi viabilizada por meio da Participação Popular e Cidadã - Votação 2012 / Orçamento 2013, que designou R$ 200 mil para a ambulância. A Prefeitura investiu R$ 71.390 em acessórios. O veículo possui incubadora de transporte microprocessada, destinada para transporte de alto risco de prematuros de baixo peso ou recém-nascidos com graves enfermidades, respirador volumétrico multiprocessado e cardioversor com marcapasso transcutâneo. Segundo o secretário Municipal da Saúde, Neivaldo Carvalho, foi fundamental o apoio de profissionais da área, com destaque para o médico Márcio Dalla Coletta, que colaborou desde o início do processo orientando sobre os equipamentos necessários.

Fortes chuvas e vento causam prejuízos

O Corpo de Bombeiros de Veranópolis atendeu diversas ocorrências de remoção de árvores que caíram ao longo da RSC-470, na Serra das Antas, Monte Bérico, Lajeadinho, Vila Flores e Nova Prata. O trânsito ficou em meia-pista em alguns pontos e os motoristas precisaram redobrar a atenção por ocasião das fortes chuvas e vento na semana passada. Árvores caíram em dois pontos da ERS-359, nas proximidades da ponte sobre o Retiro, em Santa Bárbara. Por alguns instantes o trânsito ficou bloqueado, mas em seguida foi liberado. Casas foram destelhadas em Veranópolis, Cotiporã, Fagundes Varela e Vila Flores, e os bombeiros disponibilizaram lonas para os atingidos. Parreirais também foram danificados. Na rua Epitácio Pessoa, moradores calçaram um poste para que não caísse sobre casas, e outros postes ficaram inclinados na cidade. Em Nossa Senhora do Rosário e São Gotardo, residências ficaram sem luz do dia 16 ao dia 20. Na comunidade do Rosário foi realizada a festa da padroeira no domingo, dia 19, mesmo sem energia elétrica.

O Corpo de Bombeiros de Veranópolis registrou em torno de 200mm de chuva durante a semana, sendo os maiores índices no dia 12, com 55mm, e no sábado, 18, com 60mm. Em Fagundes Varela houve falta de energia elétrica em algumas comunidades, casas destelhadas, árvores caídas e prejuízos na agricultura. Na localidade de Santa Lúcia, três postes de transmissão caíram, deixando dezenas de famílias sem luz. Em Cotiporã também houve falta de energia elétrica, casas destelhadas no Loteamento Bento Gonçalves, parreirais danificados, quedas de fios de alta tensão e deslizamento de terra. Na propriedade da família Alberton, em São Brás, os ventos atingiram um parreiral. Segundo Ivandro Alberton, cinquenta por cento da produção foi perdida. A ponte que liga Cotiporã a Bento Gonçalves ficou interditada, mas agora está liberada. Em Vila Flores, duas casas na Linha Aimoré e uma no bairro União tiveram suas coberturas parcialmente danificadas, além de prejuízos na agricultura.

Soberanas da Expo Prata divulgam evento pela região

Nos dias 15 e 16 de novembro, as soberanas da Expo Prata / 4º Sindimostra e a Comissão Social estiveram visitando Vila Flores, Veranópolis, Cotiporã, Fagundes Varela, Nova Bassano, Paraí, Casca e Serafina Corrêa, onde foram recebidos com muita hospitalidade. Nas oportunidades, fizeram convite para a Expo Prata, que acontece na Associação dos Motoristas de Nova Prata. Fizeram fotos com os prefeitos de cada cidade e visitaram a rádio Veranense, de Veranópolis, e a rádio Club de Paraí. De 6 a 9 de novembro, a Expo Prata terá feira comercial, cultural e industrial, desfile, artesanato, gastronomia e shows nacionais e regionais. Subiram ao palcc Leonardo e Papas da Língua. Tchê Garotos, Giovanni Marquzeli, Fabiano Soares e Aquarela farão apresentações com entrada franca. A programação completa está em expopratars.com.br.


VARIEDADES

Cotiporã elege a Boneca Viva 2014

Em meio à programação do Outubro Rosa, a Liga Feminina de Combate ao Câncer de Cotiporã realizou no dia 11 de outubro a segunda edição do Risoto da Solidariedade. O evento beneficente teve o lucro revertido em contribuições a todos os pacientes de câncer do Município. A responsável pela Liga, Neurides Melati Griguol, agradeceu às empresas, entidades e pessoas que contribuíram para a realização deste evento. "Graças às doações de alimentos, doações em dinheiro e trabalho voluntário de todos durante o evento, pude realizar esse almoço e arrecadar uma boa quantia para ajudar pessoas que necessitam", saudou. Juntamente com o almoço foi realizado o concurso para a escolha da Boneca Viva 2014 e suas princesinhas. Com sete juradas, as meninas desfilaram e foram avaliadas conforme beleza, simpatia e desenvoltura. Foi eleita como Boneca Viva 2014 Ana Paula Storti, e princesas Kewelin Taparelo Puton e Victória Eduarda Oliveira Gabriel. A Administração Municipal, na pessoa do prefeito José Carlos Breda, parabenizou as concorrentes e todos que ajudaram na realização do evento, "pois a população se reuniu para contribuir com uma causa muito bonita e engrandecedora".

APAVE tem animais para adoção

Animais trazem energia e a força da natureza para perto de nosso convívio, compartilham conosco de sua alegria e eterna fidelidade. Devemos respeitá-los, dar-lhes carinho, alimento, saúde e moradia. Se você pensa em adotar um novo amigo, procure a Associação Protetora dos Animais São Franciso de Assis de Veranóplis. O abrigo fica na RSC-470, trevo para Fagundes Varela. E doações de ração são muito bem-vindas. Seja nosso amigo no Facebook, o endereço é facebook.com/apave.veranopolis.



REGIÃO

Vila Flores: crianças aprendem na prática a higiene bucal

As palestras realizadas para as crianças, nas escolas, estão auxiliando os pais na transmissão da importância de manter a higiene bucal. Através de desenhos, as informações são passadas de forma eficiente. Após a palestra, as crianças recebem um kit com dentifrício, escova, fio dental e cartilha educativa com atividades e dicas. Com o material fornecido, o dentista Adroaldo Licks ensina através de divertida aula prática a maneira correta de escovar os dentes e fazer a higiene da boca. O objetivo é conscientizar as crianças e jovens da importância de criar o habito de manter a boca e os dentes limpos e saudáveis. Para a Secretaria Municipal de Saúde, Unidade Básica de Saúde e a Equipe de Saúde da Família, que se dedicam em prol da saúde da comunidade, esse trabalho é de grande importância e deve ter continuidade em casa.

Inaugurada a nova Unidade Básica de Saúde Central de Cotiporã

Foi realizada na sexta-feira, dia 17, a cerimônia de inauguração das reformas da nova Unidade Básica de Saúde Central de Cotiporã, que já está sendo utilizada pela população. O espaço conta com mais de seiscentos metros quadrados, veículos, equipamentos novos e profissionais para proporcionar um melhor atendimento. O investimento total foi de aproximadamente R$ 800 mil, dos quais R$ 300 mil do Estado, através do deputado Gilmar Sossela, R$ 100 mil do deputado Renato Molling e R$ 100 mil de Danrlei. O Município participou com R$ 200 mil de recursos próprios do município. Os valores foram aplicados na reforma do prédio, compra de automóvel, ar condicionados, armários, carros macas, monitor cardíaco, desfibrilador externo automático, dispositivos bolsa válvula máscara, pranchas rígidas, colares cervicais e demais equipamentos que torna a UBS diferenciada, uma das melhores da região. Diversas autoridades locais e estaduais participaram da solenidade de inauguração.

Candidatas à corte da BellaFesta de Fagundes participam de atividades de preparação

As seis candidatas a rainha e princesas da BellaFesta 2015 iniciam neste sábado, dia 25, os trabalhos em preparação à festa de escolha das soberanas do evento. Ao longo das próximas semanas, elas terão aulas de etiqueta, auto-maquiagem, dicção e oratória, além de encontro com profissionais como fonoaudióloga e psicóloga. Neste ano, a novidade será a votação online. Através do site do Município, a população poderá votar e escolher a candidata de sua preferência. A mais votada terá três pontos, a segunda mais votada recebe dois, e a terceira mais votada receberá um ponto. A votação deve abrir no mês de novembro. Disputam o título, neste ano, Deisi Pelegrini Belenzier, Fernanda Franceschetto, Fernanda Magoga, Gabriela Cortelini, Mônica Laís Zatt e Patrícia Malla Carni. A festa de escolha será no dia 7 de dezembro no Ginásio de Esportes, a partir das 20h.


COLUNAS

Nosso Mundo

Foto: Arquivo Pessoal

Ipea Brasil e Venezuela - O Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - é uma fundação pública federal ligada à Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República e suas pesquisas fornecem suporte técnico às ações governamentais. Recentemente o Ipea divulgou uma pesquisa chamada 'Tolerância social à violência contra as mulheres', na qual 65% dos entrevistados concordavam com a frase 'mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser estupradas'. Após alguns dias, o barulho foi tamanho que o competente órgão federal publicou uma nota alegando que houve um erro no resultado da pesquisa e o numero correto seria 26% e não 65%. Segundo o Ipea, houve uma troca nas colunas das planilhas, o que originou este erro brutal.

Em seguida, um de seus diretores, Rafael Guerreiro Osório, pediu exoneração pelo erro cometido. Agora, outro de seus diretores, Herton Araújo, pediu sua exoneração pois foi proibido de divulgar sua recente pesquisa sobre a miséria social no Brasil. Segundo a cúpula do Ipea, somente após as eleições tornariam a falar sobre a decisão de publicar ou não. Não se trata do primeiro estudo censurado, pois conforme denunciado no site da Veja, houve outro levantamento engavetado, que mostrava que a concentração de renda aumentou no Brasil entre 2006 e 2012, o que vai contra todo o discurso do PT. Aliás, poucos sabem que o Ipea mantém uma filial na Venezuela, aberta em 2010, na época do ex-presidente Lula e do falecido presidente Chaves. Isso mesmo, na Venezuela! Essa filial é comandada por Pedro Silva Barros, colaborador do site esquerdista Carta Maior e autor de textos a favor do governo autoritário de Nicolás Maduro. A Venezuela fechou o ano passado com 56% de inflação, falta de produtos básicos e de democracia. Apesar disso, os estudos do Ipea ignoram a crise, elogiam o governo e dão ênfase para a cooperação da Venezuela com o norte do Brasil.

Eis aí outro exemplo de aparelhamento onde vale mais a indicação política do que a meritocracia e a verdade. Agora, neste dia 26 de outubro, temos a chance de começar a mudar o Brasil. Queremos o fim das indicações políticas e a volta da Meritocracia. Queremos um novo Brasil e não uma nova Venezuela, uma nova Bolívia ou uma nova Cuba.
* Célio Pezza

Energia positiva

Foto: Arquivo Pessoal

Minhas entrelinhas - Quando pensei, já cansada, em baixar a minha cabeça para os problemas, colocando um ponto final na minha vida Deus foi lá e colocou dois pontinhos, escrevendo: Levanta e continua! Por isso posso ser comoparada a um livro, há quem me interprete pela capa e assim, me ame apenas por ela. Há quem viaje em mim, e aqueles que optam em viajar comigo. Há quem não me entenda e, quem nunca sequer tentou me entender. Há quem sempre quis ler-me, já outros nunca se interessaram. Há quem leu e não gostou, há quem leu e se apaixonou. Há quem apenas busca em mim palavras de consoloe áh quem só perceba teoria e objetividade. Mas, tal como um bom livro, sempre trago em minhas entrelinhas algo de único dentro do meu peito:

O melhor de mim! Mas resta dizer que muito me rotulam, sem se quer dar uma chance para me conhecer melhor É preciso tomar cuidado com os rótulos e as aparências, Os precnceitos são filhos de nossos olhares apressados. E para que não haja nem ilusões muito menos frustraçãoes, o melhor é ir devagar. Assim que cada um cuide do que vê, do que diz. Que as alegrias sejam mais fortes que os cansaços. Que o sonho derrote o medo. E a beleza extrapole as trevas. Que o bem querer desate cada nó de dificuldade que nos aperte os caminhos. Que tudo seja tomado como lição. E que a mais importante seja a fé, que lança luz sobre toda a incompreensão. Ungindo com poesia o início e o fim de cada dia. E assim segue a estrada... Ler somente a capa e a contra-capa de um livro jamais será como viajar em seu conteúdo. Ler o rótulo de um vinho nunca será igual a sentir seu sabor. Muita coisa pode se perder pelo caminho.

Aproveite a chance de ser hoje um bom livro com conteúdo rico em fé, esperança e amor. De viver hoje, de amar hoje, de ser feliz hoje, agora! O amanhã, ninguém saberá. Só não mude a sua conduta, seus valores. Acorde, simplesmente, vivendo para o dia que começa e termina. E no meio dele preencha-o com coisas boas, úteis, amáveis, agradáveis. Para que ao final do dia, possamos ter o que ser lido, com quem conversar, o que acrescentar de bom. Não desperdice a chance de ser feliz. Eu sei que nem tudo são flores, existem os espinhos, as pedras, as dificuldades....Ah como sei! Mas agradeça, e use sua criatividade, seu amor, sua fé, e sua vontade de estar bem, transmitindo aos outros, essa coisa que contagia, e traz proximidade. Se te derem uma oportunidade hoje, que não pode ser desperdiçada, agarre! Deus sempre estará ao seu lado te servindo de luz guia, vá em frente, e não se acovarde. Intensidade e amor a vida, são palavras chave para viver cada dia melhor e com mais leveza!!

Escolhas, sempre escolhas!!!
* Sonia Maria Peruzzo, smperuzzo@hotmail.com


ESPECIAIS

Guia da 8ª Femaçã - clique para ver o especial na íntegra

113 anos de Veranópolis - clique aqui para ler na íntegra

idosos acima dos 90 anos - clique aqui para ler na íntegra

Troféu Imprensa Regional 2ª edição - clique aqui para ler na íntegra